Yoleida e Darwin foram obrigados a deixar a Venezuela com os 7 filhos. Andaram mais de 250 km em sua viagem de migração para o Brasil com crianças de colo.

Já em Boa Vista, dormiram por um mês nas ruas, onde inclusive receberam a triste proposta de vender a filha mais nova para conseguir dinheiro para comer.

Em abril, em plena pandemia, a família foi interiorizada pelo Refúgio 343 para Belo Horizonte, onde foi recebida pela acolhedora Lilian Bernardes e um grupo de amigos.

6 meses depois, eles estão 100% reinseridos socieconomicamente: crianças estudando e adultos trabalhando, pagando todas as suas contas.

Mais uma família recomeçando no Brasil!

Você também pode fazer parte deste trabalho humanitário junto com a gente. Clique aqui e saiba como!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *